André Mendonça

Gestor de projeto
Laboratório de Metacognição: Aprender a Aprender
Lisboa, Portugal

André Mendonça estudou Física no Instituto Superior Técnico, tendo depois concluído o mestrado em Bioinformática e o doutoramento em Neurociência. No entanto, o André mais do que físico, ou neurocientista, é um ávido entusiasta de ciência e da comunicação da mesma. O seu doutoramento, desenvolvido no Centro Champalimaud, centrou-se na temática das tomadas de decisão e na questão de como os organismos aprendem a categorizar as suas percepções. Mais tarde o André mudou-se para a Universidade de Nova York para estudar como o cérebro gera previsões baseadas nas suas experiências passadas.  Em paralelo, envolveu-se em inúmeras iniciativas de educação de ciência e em 2018, foi convidado pela Fundação Gulbenkian para fazer parte da equipa que desenvolveu a exposição "Cérebro: mais amplo que o céu" e coordenar as visitas escolares, que trouxeram à exposição mais de 15.000 alunos durante três meses. O André é agora o gestor do projeto LaMAA, um nome inspirado pelo seu fascínio por outras culturas e viajar. Perguntem-lhe algo sobre comidas do mundo e terão que o “aturar” durante horas a fio.

Coordenador e Co-Fundador

TreeTree2
Lisboa, Portugal

Pedro Marcelino

Pedro Marcelino é Coordenador e Co-Fundador do TreeTree2, uma associação sem fins lucrativos com sede em Lisboa, Portugal. O Pedro doutorou-se no Instituto Superior Técnico, na área de aplicações de Machine Learning à Gestão de Infraestruturas de Transportes, e mestrou-se em Engenharia Civil, ramo de Estruturas, pela mesma universidade. Em 2013, começou a trabalhar com alunos do Ensino Básico e Secundário no sentido de promover a aprendizagem nas áreas da Ciência, Tecnologia, Engenharia e Matemática. O crescimento destas atividades levou, em 2015, à criação do TreeTree2, uma associação que procura promover o talento, a motivação intrínseca e as competências sociais, emocionais e técnicas dos mais de 3000 crianças e jovens aos quais chega. É comum encontrar o Pedro em estádios de futebol, boxes de CrossFit ou a vaguear pela Europa.

Catarina Ramos

Coordenadora do Gabinete de Comunicação Científica
Champalimaud Centre for the Unkown
Lisboa, Portugal

Catarina Ramos é a Coordenadora do Gabinete de Comunicação de Ciência no Centro Champalimaud, em Lisboa, Portugal. Catarina é doutorada em Neurociência e mestre em Comunicação de Ciência. Depois de 12 anos dedicados ao estudo do sistema nervoso e de morar em 4 países diferentes, Catarina juntou-se à comunidade da Champalimaud Research e tornou-se um dos membros fundadores das primeiras iniciativas de ciência e sociedade lançadas a partir do Centro Champalimaud. A Catarina é desde 2013 coordenadora de uma equipa interdisciplinar que procura estar na vanguarda da comunicação institucional, educação de ciência e outreach, combinando para isso métodos clássicos com métodos inovadores e abordagens experimentais. Algures durante a passagem da investigação científica para a comunicação de ciência, embarcou na viagem mais exigente da sua vida: ser mãe de gémeos!

João Rico

João Rico é Coordenador e Co-Fundador do TreeTree2, uma organização sem fins lucrativos que pretende contribuir para o desenvolvimento do ensino extracurricular de excelência nas áreas de ciência e engenharia. Mestrado em Física Teórica na área de gravitação e buracos negros com Vítor Cardoso e Paolo Pani no CENTRA do Instituto Superior Técnico (IST), é aluno de Doutoramento em Engenharia Informática e Computadores do IST na área de previsão e aprendizagem automática aplicada a dados espaço-temporais. É investigador no LNEC e no INESC-ID, e dá aulas de Aprendizagem Automática no IST. Está a tentar descobrir porque é que gosta de perguntar 'porquê?' e a tentar encontrar uma forma de jogar à bola várias vezes por dia, como fazia nos intervalos da escola.

Coordenador e Co-Fundador TreeTree2
Aluno de Doutoramento do Instituto Superior Técnico
Investigador do LNEC e INESC-ID